LULA PRESO POLÍTICO

LULA PRESO POLÍTICO

terça-feira, 3 de março de 2015

Mais uma Vídeo Denúncia: Caminhoneiros denunciam ameaças e se dizem reféns


A corja golpista tenta produzir o caos no Brasil. A Globo e a mídia os apoiam na sua insana tentativa de romper a democracia. Mentiras são repetidas milhares de vezes, fazendo com que muitas pessoas honestas passem a acreditar nas mentiras propagadas pela mídia. Os caminhoneiros são só uma parte do povo que tem sido enganado por esta tática hitlerista de repetir milhares de vezes a mentira para que ela acabe parecendo verdade as pessoas. Mas como já dizia o experiente cidadão: “podem enganar muitas pessoas por muito tempo, mas não conseguem enganar todas as pessoas por todo o tempo”. A ficha deste motoristas do vídeo caiu. E eles tentaram sair. Mas gangsters os impedem, ameaçando-os inclusive de morte e de quebrar o caminhão. Isto não é greve de trabalhadores. É greve de empresas, se chama Locaute e é proibido por lei.
Nos links abaixo, outras denúncias  já publicadas anteriormente aqui no Blog tratando do tema:

A VERDADE: A Presidenta Dilma honrou o acordo feito com as entidades representativas dos caminhoneiros. Sancionou hoje, sem vetos, o Estatuto do Caminhoneiro. Um dos destaques do texto é o pedágio gratuito por eixo suspenso para caminhões vazios. A lei também define o perdão das multas por excesso de peso dos caminhões recebidas nos últimos dois anos e muda a responsabilidade sobre o prejuízo. A partir de agora, os embarcadores da carga, ou seja, os contratantes do frete serão responsabilizados pelo excesso de peso e transbordamento de carga. A lei garante também a ampliação de pontos de parada para caminhoneiros. O governo também tomará, a partir desta segunda-feira, as medidas necessárias para permitir a prorrogação por 12 meses das parcelas de financiamentos de caminhões adquiridos pelos programas ProCaminhoneiro e Finame do BNDES por caminhoneiros autônomos e microempresários. Além disto ficou garantido grupo de trabalho com a participação dos representantes dos caminhoneiros e das empresas para tratar do valor dos fretes e outras questões da categoria.
Postar um comentário